O marketing de WhatsApp é uma espécie de marketing de mensagens, que implica em promover uma marca por meio do WhatsApp. Este canal ajuda as marcas a atingir um público enorme, construir relacionamentos sólidos com os clientes e aumentar as vendas.

Por que você deve usar o marketing no WhatsApp para o seu negócio?

O WhatsApp é a plataforma de mensagens mais popular do mundo. Em 2020, seu público cresceu para 2 bilhões de usuários ativos por mês. Este canal de marketing é obrigatório para empresas que desejam se conectar com públicos em países em desenvolvimento. Por exemplo, existem 340 milhões de usuários mensais do WhatsApp na Índia e quase 100 milhões no Brasil. No entanto, a plataforma também é uma excelente opção para promoções no mercado americano - 68 milhões de americanos acessam o WhatsApp pelo menos uma vez por mês.

O marketing no WhatsApp permite que você fique em contato com seus clientes - mais da metade dos usuários do WhatsApp acessa o aplicativo todos os dias. Melhor ainda, você pode ter certeza que eles receberão suas ofertas, pois as mensagens de texto têm uma taxa de abertura de 98%.

O último ponto é que seus clientes adoram esse canal de comunicação. Eles confiam mais nas marcas com aplicativos de chat - 53% das pessoas afirmam que comprariam de empresas que podem alcançar por meio do chat.

No entanto, existem mais razões para implementar o WhatsApp em sua estratégia de marketing. Continue lendo para aprender mais alguns benefícios desse canal de marketing.

Benefícios do Marketing no Whatsapp para sua empresa

  • Relações profundas com clientes
  • Maior taxa de conversão
  • Melhores vendas
  • Menor custo de marketing

Usar o mensageiros é uma oportunidade de ouro para melhorar sua estratégia de marketing. Existem quatro resultados positivos em usar o WhatsApp para a promoção de seus negócios.

Relações profundas com clientes

Mais de 55% das pessoas se sentem mais conectadas a uma marca se usarem aplicativos de mensagens. Isso torna o marketing do WhatsApp uma estratégia à prova de balas para construir relacionamentos longos e profundos com os clientes. Manter essa conexão, por sua vez, ajuda as marcas a cortar gastos, pois a retenção de clientes é 5 a 25 vezes mais barata do que a aquisição.

Fora da caixa, o WhatsApp oferece às empresas um conjunto robusto de oportunidades de personalização. Por exemplo, você pode enviar mensagens de boas-vindas personalizadas, ofertas especiais, feliz aniversário e assim por diante. Essa abordagem mantém os clientes mais engajados com a marca - mais de 70% dos consumidores dizem que se envolvem apenas com mensagens de marketing personalizadas.

Maior taxa de conversão

A escolha de um canal perfeito para seu contato inicial com os clientes é fundamental. As pessoas podem ficar insatisfeitas com chamadas telefônicas enquanto permanecem inacessíveis por e-mail ou mídia social.

É aqui que o WhatsApp é útil para direcionar seus clientes em potencial para a compra. As empresas dizem que os clientes responderam a 40% de suas mensagens no WhatsApp.

Melhor ainda, as mensagens geram conversões. Ou seja, mensagens após o contato inicial com um cliente potencial podem aumentar a taxa de conversão em 112,6%. No entanto, o marketing no WhatsApp não é a única maneira de aumentar suas conversões. Se você quiser aprender mais alguns truques, siga nosso guia abrangente sobre otimização da taxa de conversão.

Melhores vendas

O marketing no WhatsApp funciona como uma espécie de varinha mágica para suas vendas. O simples truque de adicionar um número de telefone do WhatsApp em seu site pode resultar em 27% mais leads de vendas.

A oportunidade de alcançar uma marca apenas por meio de qualquer aplicativo de mensagens inspira confiança em clientes em potencial. Pelo menos 66% se sentem mais otimistas sobre comprar de uma empresa se ela for ativa em mensageiros.

Melhor ainda, você pode considerar o WhatsApp um canal de vendas independente para sua empresa. É possível com a tendência crescente de as pessoas comprarem por meio de aplicativos de mensagens. Aproximadamente 60% dos consumidores acreditam que usarão mais mensageiros para fazer compras no futuro.

Menor custo de marketing

O WhatsApp ainda é um canal de marketing muito acessível, o que torna essa plataforma atraente para pequenas empresas. Tudo que você precisa para fazer a bola rolar é instalar um aplicativo e se conectar à Internet.

Enquanto isso, as chances de sua mensagem chegar ao cliente são altíssimas. Em média, um usuário verifica o WhatsApp mais de 23 vezes por dia.

O marketing no WhatsApp gera mais conversões, melhora as vendas, permite que você construa relacionamentos profundos de qualidade com os clientes e custa quase nada em termos de despesas de marketing. Leia mais para aprender como construir uma estratégia de marketing no WhatsApp.

Estratégia de Marketing no Whatsapp

  1. Defina suas metas e KPIs
  2. Identifique seu público-alvo
  3. Obtenha o aplicativo de negócios
  4. Crie uma personalidade de marca
  5. Crie uma lista de contatos
  6. Projete sua comunicação
  7. Ofereça um ótimo atendimento ao cliente

Uma estratégia bem feita é a base da eficácia de cada canal de marketing. Ele permite que você planeje seus passos e mude os caminhos se algo der errado. Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a criar sua estratégia de marketing no WhatsApp e obter ótimos resultados.

1. Defina suas metas e KPIs

Para iniciar sua estratégia de marketing no WhatsApp, determine seus objetivos de marketing. Esta etapa o ajudará a concentrar sua atenção em atividades significativas e a definir o limite para coisas desnecessárias.

Comece revisando seu funil de marketing e encontrando os pontos fracos. Tente pensar em metas de negócios que você pode perseguir com sua estratégia de marketing no WhatsApp. Identifique os KPIs que o ajudarão a entender se você atingiu essas metas.

Aqui está um exemplo para ajudá-lo a entender esse esquema: Se sua empresa tem problemas para reter clientes, você pode resolvê-los enviando mensagens promocionais pelo WhatsApp. Nesse caso, seus KPIs podem ser cliques, engajamento e taxas de retenção de clientes.

2. Identifique seu público-alvo

Conhecer o seu público-alvo é a base de todos os seus esforços de marketing e define seu sucesso. Você pode tentar várias abordagens para determinar seu público-alvo. Um clássico é a criação de perfil de cliente. Para explorá-lo, siga nosso guia sobre como construir uma buyer persona.

Outra forma é usar o framework trabalhos a serem feitos (JTBD). Se você decidir manter este, pergunte-se o seguinte:

  • Por que as pessoas usam seu produto?
  • Que valor eles querem obter com isso?
  • Que resultados eles desejam alcançar?

Seja qual for a abordagem que você escolher, evite suposições e especulações; em vez disso, explore seu público. Para começar com a estrutura JTBD, entreviste 10-15 de seus clientes atuais que fizeram uma compra recentemente.

Para a criação do perfil do cliente, você pode realizar pesquisas nas redes sociais e adicionar dados do Google Analytics, seu CRM, Facebook e Google Ads, e assim por diante. Essas ferramentas o ajudarão a identificar as características demográficas e geográficas de seus clientes típicos.

3. Obtenha o aplicativo de negócios

Para atender às necessidades de pequenas e grandes empresas, o WhatsApp lançou um aplicativo independente, o WhatsApp Business. Essa ferramenta possui alguns recursos extras úteis, como:

  • Um perfil de empresa com informações essenciais: seu endereço, descrição da empresa, endereço de e-mail e site.
  • Catálogo - uma vitrine virtual de seus produtos.
  • Rótulos para organizar seus bate-papos com clientes. Por exemplo, você pode marcar conversas de acordo com o estágio do funil de vendas.
  • Respostas rápidas e automatizadas para manter contato com os clientes e fornecer respostas imediatamente.
  • Estatísticas para rastrear mensagens enviadas, entregues, recebidas e lidas.

4. Crie uma personalidade de marca

As pessoas preferem se comunicar com outras pessoas, não um negócio impessoal. Portanto, para realizar um marketing de WhatsApp bem-sucedido, você precisa formar a personalidade de sua marca. A persona da marca é um conjunto de características, atitudes e valores que sua marca compartilha.

Lembra dos líderes de mercado? Todos eles têm personas. Por exemplo, a Apple parece ser criativa e intelectual, Fanta - alegre e despreocupada, Nike - apaixonada e vigorosa. Sua marca provavelmente também tem alguma personalidade; tente explorá-lo e identificar os traços mais significativos. Essa persona irá embasar seu tom de voz e comunicações com clientes em potencial no WhatsApp.

Crie a sensação de que seus clientes estão lidando com uma pessoa. Tente usar o nome de uma pessoa como assinatura; funciona melhor do que o nome de uma empresa.

5. Construa uma lista de contatos

Se você pretende usar o WhatsApp como mais do que um canal de suporte ao cliente, você precisa de uma lista de contatos. A melhor maneira de conseguir uma e conseguir novos contatos é usar formulários de inscrição. Coloque-os em páginas diferentes do seu site e ofereça um ímã de leads - como um e-book ou desconto.

Considere usar formulários multicanais - eles permitem que seus assinantes escolham onde desejam receber atualizações - por e-mail, WhatsApp, Facebook messenger e assim por diante. Essa mudança permite que você se comunique com os clientes pelos canais de sua preferência. Por sua vez, tal abordagem cria maior envolvimento e aumenta as conversões. Para criar formulários multicanais em dois cliques, experimente o construtor de formulários SendPulse.

Lembre-se de segmentar seu público para enviar as campanhas mais relevantes e entregar experiências personalizadas. Siga nosso guia sobre segmentação de lista de e-mails - embora o tenhamos criado com o e-mail marketing em mente, você também pode aplicar as mesmas táticas ao marketing no WhatsApp.

6. Desenhe sua comunicação

As mensagens do WhatsApp têm taxas de abertura impressionantes em comparação com outros canais. No entanto, se você oferecer conteúdo irrelevante ou mal produzido, seu marketing neste canal estará morto.

Comece identificando seus tópicos principais e as mensagens que deseja transmitir. Tente não se limitar apenas a mensagens promocionais; lembre-se de entreter e educar seu público. Mantenha suas comunicações curtas e amáveis - as pessoas costumam checar o WhatsApp em qualquer lugar e não têm tempo para ler mensagens longas.

Reforce suas mensagens com arquivos multimídia, como vídeos, animações ou fotos. Os emojis também são apropriados no marketing no WhatsApp. Se você quiser brincar com eles, escolha rostos sorridentes ou pessoas em vez de objetos com tema de negócios.

Outro ponto a considerar é a frequência da mensagem. Se você bombardear seus leitores com mensagens a cada hora, é provável que isso os irrite com sua marca. É melhor seguir a prática comumente usada de enviar 5 a 10 mensagens semanais.

7. Ofereça um ótimo atendimento ao cliente

A maioria dos clientes usa aplicativos de mensagens para obter suporte da marca. 59% das pessoas acreditam obter respostas mais rápidas via mensageiros, 50% encontram melhores conselhos e atendimento neste canal de comunicação. Este é o ponto em que o marketing no WhatsApp é útil.

O WhatsApp permite que sua marca receba consultas imediatamente e forneça suporte em tempo real aos clientes. Esse recurso se torna crucial, contanto que 28% dos clientes esperem obter ajuda em uma hora e 18% prevejam uma resposta imediata.

Manter esse ritmo parece árduo, mas o WhatsApp permite que você forneça suporte ao cliente 24 horas por dia. Tudo o que você precisa é empregar um chatbot e alimentá-lo com perguntas e respostas típicas. Essa abordagem pode ajudá-lo a reduzir os custos de suporte ao cliente em 30%.

Resumindo, a criação de uma estratégia de marketing no WhatsApp envolve definir metas, explorar seu público, entregar ótimo conteúdo e manter um bom relacionamento com seus clientes. Algumas marcas dominaram essas técnicas perfeitamente. Na próxima parte, vamos nos aprofundar em alguns exemplos e ideias para o seu marketing no WhatsApp.

5 Ideias e Exemplos de Marketing no WhatsApp

O marketing no WhatsApp é sobre relacionamentos com o público e entrega de valores. No entanto, existe espaço para um pouco de criatividade nessas condições. Vamos dar uma olhada em campanhas do WhatsApp de diversos tipos de negócios e receber uma dose de inspiração para as promoções da sua própria marca.

Klook – mensagens transacionais

A plataforma de viagem online, Klook, decidiu utilizar o WhatsApp para a satisfação do cliente e para aumentar a retenção. Por isso, a empresa construiu sua estratégia de marketing baseando-se em atualizações e notificações sobre reservas.

A Klook manteve em mente as necessidades da clientela e precisou encontrar o canal de comunicação mais conveniente. Já que a empresa tem um público enorme na região do Pacífico, na Ásia, a escolha recaiu no WhatsApp - o aplicativo é disseminado nesta área.

A plataforma de viagens convidou os visitantes do site e do aplicativo para se inscreverem para notificações no WhatsApp - atualizações de pedidos e lembretes. Como resultado, a taxa de opt-in, ou de pessoas que optaram para receber esse tipo de notificação, no Whatsapp, ficou 63% maior em comparação às notificações push do aplicativo da Klook. A taxa de retenção de clientes cresceu em 40%.

Netflix – recomendações pessoais

A gigante do streaming, a Netflix, sabe “quase nada” sobre como manter os usuários engajados com o serviço. O serviço oferece recomendações pessoais no seu aplicativo para celular. Em 2017, a empresa decidiu estender essa prática para o WhatsApp.

A Netflix lançou sua campanha em Janeiro de 2017, na Índia - o maior mercado de WhatsApp. Usuários que tinham ambos, o Netflix e o Whatsapp, instalados nos seus smartphones, viram a oferta de manter contato por meio do serviço de envio de mensagens, Whatsapp. Se uma pessoa clicava em “Estou dentro”, eles começavam a receber mensagens sobre suas contas e sugestões de programas de TV e sugestões. Depois de um ano, a Netflix ofereceu a mesma oportunidade para usuários no Reino Unido.

O truque aqui era manter a interação com os clientes mesmo depois que eles cancelaram sua inscrição no Netflix. Anúncios de novos programas e séries, e lembretes levavam os destinatários à se inscreverem novamente na plataforma de streaming.

Agent Provocateur – aconselhamentos profundos

A marca de lingeries luxuosas, Agent Provocateur, decidiu ir um pouco além com as recomendações feitas para os clientes. Alguns anos atrás, a empresa começou sua campanha Ménage à Trois, dedicada ao Natal.

A Agent Provocateur ofereceu aos casais que eles iniciassem um grupo com a assistente da marca no WhatsApp. Durante a conversa, a representante da empresa deu recomendações pessoais e facilitou a discussão sobre o que os potenciais clientes queriam de Natal.

No total, 31% dessas conversas resultaram em visitas à loja física e 61% converteram em tráfego para o site. A campanha foi tão bem sucedida que a Agent Provocateur decidiu fazer dos aconselhamentos via WhatsApp um serviço permanente para clientes VIP.

Saffola – ajuda em tempo real

Se você já tentou qualquer dieta, você provavelmente já está familiarizado com os desejos causados por um pedaço de pizza ou uma bolacha. A marca de healthcare, Saffola, decidiu construir sua campanha baseando-se na luta contra esses desejos por alimentos não saudáveis.

Para ajudar essas pessoas a combaterem seus hábitos de alimentação destrutivos, a Saffola criou um chatbot para o WhatsApp. Um usuário poderia enviar uma mensagem para esse bot quando eles sentiam um ímpeto por “comfort foods”, ou comidas que trazem conforto. Em troca, o chatbot tentava distrair uma pessoa com reforços positivos pré-gravados, quebra-cabeças/enigmas, e até mesmo uma música de rap. Esta última promovia a nova bebida saudável da Saffola.

Adidas – resolvendo os problemas do público

A marca de artigos esportivos, a Adidas, usou o WhatsApp como uma parte da campanha de promoção de seu novo sapato. A marca decidiu focar numa audiência específica - jogadores de futebol amadores - e ajudar eles a resolverem seus problemas específicos.

Os times de futebol frequentemente encontravam problemas com determinadas coisas. Alguns jogadores podem largar tudo no último minuto antes de uma partida, e pode não existir um substituto. A Adidas ofereceu encontrar um substituto por meio do WhatsApp. Tudo que você precisava fazer era enviar uma mensagem para uma hotline, ou “linha quente”, do WhatsApp e compartilhar informações essenciais sobre a partida. Em troca, a Adidas te enviaria um jogador de alto nível para seu jogo.

Apesar da campanha só ter durado por 6 dias e ter como alvo um público específico, ela entregou resultados impressionados. Em especial, a Adidas ganhou muita popularidade na mídia futebolística, em sites de varejo, blogs, e por aí vaí.

Alguns desses exemplos são simples e ainda assim, efetivos, enquanto outros são difíceis de recriar. No entanto, eles ilustram as regras principais de um marketing bem sucedido: escute seu público e compreenda suas necessidades, ofereça valor, e seja criativo. Quer aprender mais sobre dicas práticas de WhatsApp? Leia abaixo.

4 Dicas para o Marketing no WhatsApp

  1. Crie listas de transmissão
  2. Utiliza os grupos
  3. Movimento o status do WhatsApp
  4. Crie um catálogo de produtos

Nós descobrir alguns truques para construir um estratégia de marketing no WhatsApp. Agora é o momento de explorar algumas técnicas mais específicas.

Crie listas de transmissão

Em suma, uma lista de transmissão é um grupo de destinatários reunidos. Os contatos não podem ver uns aos outros e eles recebem suas mensagens separadamente, parecido com as segmentações das suas listas de e-mail.

Essas peculiaridades fazem das listas de transmissão a funcionalidade perfeita para enviar campanhas relevantes. Por exemplo, você pode reunir todos os seus clientes VIP em uma única lista e enviar para eles ofertas exclusivas ou pedir recomendações para os clientes existentes, e por aí vaí. Utilize essa ferramenta para reter e engajar seu público.

Utilize os grupos

Essa ferramenta lembra a anterior, mas existe uma diferença entre elas. Diferente das listas de transmissão, os grupos permitem que os membros se vejam e compartilhem suas opiniões com todo o grupo.

Então, os grupos podem ser úteis se você quer encorajar discussões entre os clientes. Por exemplo, você pode configurar um grupo para aquecer os participantes antes de um evento offline ou um webinar.

Outro caso é quando seus clientes fazem decisões de compra em grupo. É uma prática comum para negócios com produtos caros e elaborados, como soluções de TI, equipamentos industriais, e por aí vaí. Apesar de vendedores de bens de consumo também se beneficiarem dessa ferramenta - lembre-se do exemplo da Agent Provocateur.

Movimente o status do WhatsApp

Se você já é familiarizado com os stories do Facebook ou do Instagram, o status do WhatsApp pode ser fácil para você também. Essa funcionalidade permite que você compartilhe texto e arquivos multimídia com todos os seus contatos e receba seus feedbacks. Quando você publicar a atualização, você também pode compartilhá-la no Facebook. O status expira em 24 horas.

No marketing de Instagram, os stories são uma das ferramentas mais efetivas, e os status do WhatsApp funcionam bem também. Você pode usá-los para compartilhar ofertas especiais, atualizações sobre produtos, códigos promocionais, e por aí vaí. Por exemplo, você pode organizar uma liquidação por um dia apenas para usuários do WhatsApp.

Crie um catálogo de produtos

Em 2019, o WhatsApp lançou os catálogos de produtos que permitem que você exiba seus produtos. A ferramenta tem muito potencial - até mesmo o Instagram lançou a ferramenta análoga chamada Instagram shop.

Você pode adicionar até 500 itens no seu catálogo de produtos no WhatsApp. Seus potenciais clientes podem navegar nele e compartilhar links para alguns produtos ou fazer perguntas sobre eles. Você também pode enviar itens do catálogo para usuários do WhatsApp ou compartilhar um link para toda a “vitrine”, em qualquer ambiente digital. Os catálogos são extremamente úteis para pequenos negócios ou aspirantes a empreendedores sem site.

O marketing no WhatsApp é uma oportunidade de ouro para reforçar sua marca e construir relacionamentos profundos e duradouros com clientes. Para alcançar melhores resultados, vá além do WhatsApp e domine todos os canais que seus clientes preferem. Experimente as mensagens no Facebook e no Telegram também, e reforce sua estratégia de marketing com campanhas para email e notificações push para web. Para começar com esses canais, registre-se com o SendPulse.

Pesquisado também com
Rate this article about "Marketing no WhatsApp"

User Rating: 5 / 5 (1)

Novo

Teste o SendPulse hoje gratuitamente

Se você tiver interesse em "O que é o marketing no Whatsapp: ideias, dicas e exemplos", talvez você também se interesse pelo nosso serviço de envio de e-mails em massa.