Marketing e vendas   Ferramentas úteis

Facebook morreu – Verdade ou mentira?

4 minutes

Facebook morreu – Verdade ou mentira?

 

Em fevereiro do ano de 2004 nascia o Facebook, uma rede social que veio para tomar o lugar do saudoso Orkut (que Deus o tenha). O Facebook, que atingiu a marca de 2 bilhões de usuários ativos em 2016, é um prato cheio para quem precisava expandir seus negócios e divulgar seus produtos, mas, será que ainda hoje é assim ou o Facebook morreu? Antes de falar sobre isso, vamos conhecer um pouco mais sobre essa mídia social.

Fundado por Mark Zuckerberg e seus colegas de quarto da faculdade Eduardo Saverin, Dustin Moskovitz e Chris Hughes, inicialmente, a rede era limitada aos estudantes da Harvard, mas logo após acabou sendo expandida para outras faculdades de Boston e só em 2004 foi aberto para o público em geral.

Popularização do Facebook

A rede social virou uma febre, um lugar onde pessoas do mundo podem estar ligadas todos os dias, o lugar ideal para fazer uma pesquisa rápida e encontrar pessoas em qualquer parte do planeta. Sabe aquele amigo que você não vê há anos e morre de curiosidade para saber como está? Se já se casou, se tem filhos, onde está morando? Sim, com o Facebook isso é possível!

E se você pensa que a mídia social se limita a isso, você está muito enganado, caro leitor. Nele é possível compartilhar fotos, interagir com amigos, marcar eventos e convidar a galera, fazer vídeos ao vivo, jogar, assistir vídeos, vender, comprar, trocar, negociar, ufa, quanta coisa, né?! E é justamente sobre isso que vamos falar agora, será que a plataforma ainda é uma boa pedida para investir e divulgar o seu negócio?

Facebook redes sociais

A empresa é vitoriosa de qualquer ângulo que você observe e trata-se da maior rede social do planeta, um motor tecnológico que alterou o estilo de vida nos quatro cantos do globo. Mas, os últimos tempos têm sido cheios de desafios para o império de Mark Zuckerberg.

Sabe aquela retrospectiva que o Facebook sugere para você postar no seu mural, com suas lembranças do mês e até mesmo de outros anos? Agora, imagine como seria um clip com as lembranças do próprio Facebook? Bom, provavelmente não teriam muitos sorrisos e balõezinhos animados não.

Teve escândalo por causa do acesso de informações de usuários para fins políticos, perda milionária no mercado de ações, contas acessadas por hackers, é e no meio de tudo isso, a rede social ficou fora do ar por diversas vezes, irritando os usuários, que em alguns casos, usam a rede como ferramenta de trabalho, e em termos de reputação acaba sendo algo bem catastrófico e que dá medo.

Mas, será que são só esses motivos pelos quais os usuários estão abandonando o Facebook? O meu palpite é que não!

O Facebook e as fake news

Notícias falsas se espalham no Facebook mais rápido do que notícia verdadeira, e isso que são fake news: Notícias falsas.

celulares com facebook

Pesquisadores do maior estudo já feito sobre fake news descobriram que isso se deve ao comportamento de pessoas, e não de robôs. O grau de novidade e as reações emocionais das pessoas seriam os responsáveis. Para chegar a essa conclusão, os cientistas estudaram um conjunto de dados de cascatas de rumores no Facebook entre 2006 e 2019, cerca de 126 mil rumores foram divulgados por aproximadamente 3 milhões de pessoas.

Para separar o que é notícia verdadeira de notícia falsa, o estudo usou informações de seis organizações independentes de checagem, que concordaram de 95 a 98% sobre as classificações. As notícias falsas se espalharam entre mil e 100 mil pessoas, enquanto que a verdade raramente chegou a mais de mil pessoas. A difusão de fake news teve mais alcance, velocidade, profundidade e abrangência, do que as notícias verdadeiras, e os efeitos foram mais significativos para as falsas notícias de política do que foram para as falsas notícias de terrorismo, desastres naturais, ciências ou informações econômicas. É, a coisa andou feia pro lado do Facebook. o reflexo disso tudo está mais que visível no número de usuários abandonando a rede, dizem que o Facebook não oferece mais segurança e credibilidade.

Facebook perde cada vez mais espaço

Com tantos motivos citados acima a gente até entende o porquê de a rede social estar perdendo tanto espaço, foram muitas e muitas coisas que atrapalharam seu caminhar, e a maior parte dessas coisas por culpa dos próprios usuários, disseminando as fake news, como falado acima.

Mas, obviamente, não são apenas esses motivos que fizeram e fazem com que as pessoas pensem que as pessoas se perguntem se o Facebook morreu. O Instagram vem crescendo na velocidade da luz e atrai cada vez mais seguidores e fãs, acredito eu, que isso por conta da facilidade em vender o seu produto. Os story, opção que permite o usuário divulgar através de vídeos os seus produtos e até mesmo de terceiros, ganhando assim, muito dinheiro com isso, virou febre entre empresários e celebridades.

Uma pesquisa feita recentemente também apontou que entre a maioria esmagadora dos jovens, há a preferência por redes como Instagram e Snapchat, e também do aplicativo Whatsapp. Mas, será que o Facebook morreu?

Facebooks

Facebook: Uma grande ferramenta

Eu acredito e muito no potencial do Facebook, pois a rede ainda é a mais usada do mundo, unindo pessoas distantes, permitindo encontros e reencontros, e o principal: ajudando muita gente a ganhar dinheiro. Dentre as inúmeras vantagens de se usar o Facebook, nós vamos falar de duas, que com certeza, faz toda diferença no dia-a-dia.

Com o marketplace é possível anunciar, comprar e vender produtos na sua região através da sua plataforma. A única ressalva é que não é possível realizar transações financeiras, pelo menos ainda não, por isso, qualquer venda e qualquer compra deve ser finalizada exclusivamente entre os usuários, diretamente no Messenger, ou ainda, fora do face, nesse caso, o que o maketplace faz, é ser o intermediário entre as partes envolvidas.

O bate papo do Facebook, o Messenger, permite a pessoas que ainda não possuem celular com android conversar com quer que seja, em qualquer lugar do Brasil e do mundo!

O Facebook morreu? Não, continua muito vivo, e tem notícia boa, tio Zuck prometeu que estão vindo muitas novidades boas por aí! Então, com certeza, a rede social mais usada do mundo ficará ainda melhor, afinal, quem não gosta de novidades, não é mesmo?!

Posts por categoria