Marketing e vendas

O que é remarketing? Como ir atrás do seu cliente até ele comprar

5 minutes

O que é remarketing? Como ir atrás do seu cliente até ele comprar

Provavelmente, você já deve ter se deparado com este nome durante suas pesquisas na internet. Entender o que é remarketing proporciona considerável aumento de vendas. A técnica exibe anúncios para usuários que já tiveram algum contato com a marca. Uma ótima oportunidade para captar aquela pessoa que tem interesse, mas ainda está indecisa. E conduzi-la pelo funil de vendas até a finalização da compra.

Sabe quando aparece um anúncio daquele tênis que você pesquisou ontem? Isso não é uma coincidência. É uma grande estratégia para permanecer o produto em sua mente. Quem sabe o consumidor não entende que é um sinal para finalizar o carrinho? Isso é remarketing. Quer saber um pouco mais? Acompanhe esse artigo que foi idealizado pensando em você.

o que é remarketing

Antes de saber o que é remarketing, vamos falar de tráfego pago

Como sabemos tráfego é a quantidade de visitas recebidas em seu site. Seja ela realizada por tráfego pago ou orgânico. O que realmente importa é que seu conteúdo seja visualizado pelo seu público-alvo. 

Pense comigo, de que adianta preparar um belo conteúdo, idealizar um lançamento incrível se não tiver nenhum acesso. E bem, por mais que a palavra “pago” cause um pouco de aversão (o orçamento é curto, eu sei!). Mas pode ser a forma mais rápida de conseguir uma visibilidade.

O investimento no tráfego pago pode ser muito positivo para o ROI. Você irá pagar para que o seu anúncio apareça para o seu público de interesse. Ele será segmentado, um ponto muito positivo. Se pensarmos friamente, você anunciará para quem tem realmente interesse de compra. Muito mais vantagem do que colocar um anúncio em um outdoor, por exemplo.

Além disso, vale lembrar que você somente pagará por quem acessar o anúncio. O que conhecemos por CPC – Custo por clique. As duas plataformas que mais utilizam o tráfego pago com sucesso são: Google AdWords e Facebook Ads.

Google AdWords

No Google AdWords você cria o seu anúncio de acordo com as suas palavras-chave. Desta forma, a campanha aparece no topo da página das pessoas que digitarem as palavras no campo de busca. Ainda é possível que os anúncios apareçam em sites parceiros, como banner ou links patrocinados.

Certo, mas você deve estar se perguntando: qual a vantagem de realizar um anúncio no Google. Bem, se o tráfego não for suficiente, posso apresentar outras razões:

  • Possibilidade de testes A/B para verificar o que converte mais
  • Grande poder de segmentação
  • Empresas que anunciam no Google têm 50% de retorno a cada dólar que investe

Facebook Ads

A plataforma com mais de 2 milhões de usuários também é uma ótima alternativa para anunciar a sua marca.

A principal vantagem é que o Facebook Ads tem como foco o perfil do usuário. Desta forma, ela disponibiliza diversas formas de segmentação. 

  • Dados demográficos
  • Localização
  • Comportamentos
  • Interesses

Muito mais fácil chegar exatamente no seu público-alvo.

remarketing

Certo, mas o que é remarketing?

Agora que entendemos um pouco melhor sobre os anúncios na internet, vamos concentrar a nossa atenção no remarketing. A expressão poderia ser traduzida de uma forma livre como “marketing outra vez”.

A ideia é a mesma, independente da forma com que prefira chamar. É impactar a pessoa por forma de anúncios sobre algo que ela já procurou. Entender o que é remarketing, é poder fazer uso de um recurso econômico para elevar a consciência de marca.

Desta forma, como a pessoa não comprou em sua primeira visita. Enquanto ela pensa, nós utilizamos o remarketing para que a marca continue em sua mente. Investir nessa técnica é garantia de personalização e eficiência.

Por que usar remarketing?

O principal objetivo do recurso é aumentar a conversão ou, se preferir, as vendas. E esse já seria um excelente motivador de investimento.

Conforme dados do Google AdWords, 97% dos visitantes não realizam sua compra na primeira visita ao site. Utilizando o remarketing, insistirá no cliente em outras oportunidades até que ele firme a compra.

É bem provável que já tenha ouvido falar sobre o funil de vendas. Em que a pessoa passa por diversos estágios até finalizar a compra. E estar presente na mente de seu possível cliente é fundamental para auxiliar na condução.

Outras razões de aproveitar o recurso são:

  • Crescimento de recompra
  • Redução de CAC (custo por aquisição de clientes)
  • Maior visibilidade para a marca

Como funciona?

Assim que um usuário entra em seu site é armazenado um cookie no computador (assim como uma marcação). Desta forma, o Google consegue identificar e exibir anúncios deste mesmo site. Podendo ser realizados de duas formas: Rede de Display ou Rede de Parceiros.

Com isso, aquela pessoa que acessou o seu site será impactado por novos anúncios como forma de convencê-lo a comprar. O remarketing geralmente permanece por 30 dias. No entretanto, pode variar de acordo com a plataforma.

Os anúncios podem ser apresentados em diferentes canais:

  • Google Adwords

Podendo estar como Rede de Display, em site de parceiros que o seu público visitar. Ou Rede de Pesquisa, quando está procurando sobre o assunto na página do Google. Um dos grandes momentos de gerar a conversão.

  • Facebook e Instagram

Funciona de forma muito parecida com a Rede de Display. Uma vez que os anúncios são apresentados no feed de notícias ou na barra lateral da rede social. Desta forma, quando você pesquisa sobre algum produto, o anúncio é disponibilizado como forma de convencê-lo a compra.

  • E-mail marketing

Apesar de mudar o canal de anúncio, o conceito e a intenção não são alterados. Ou seja, mover o consumidor para a intenção de compra. Uma vez que ele já acessou o seu site, mas não finalizou o processo de compra.

Como montar uma campanha de remarketing?

É muito importante que analise o perfil de seu público e principalmente o seu histórico de compra. Também podem ser adotadas medidas para tornar o remarketing ainda mais estratégico:

  • Audiências relevantes: foque nos consumidores que realmente serão impactados pelo recurso
  • Seja específico para cada público: esteja próximo ao objetivo daquele consumidor. Logo, se ele entrou no site e buscou por menores preços, anuncie o produto com um desconto, por exemplo. Ou opções semelhantes, mas com menor valor.
  • Direcione corretamente: quando o cliente clicar em seu anúncio, não o “jogue” na home de seu site. Direcione para o objetivo. Auxilie o seu consumidor a chegar em seu produto.
  • Sem exageros: lembre-se que muitos anúncios podem cansar ou irritar o consumidor. Com isso, nada feito para a compra. Mantenha uma média de 10 visualizações por cada usuário.
o que é remarketing

Conclusão

Chamar a atenção de seu público-alvo é de extrema importância. Mas conseguir firmar aproximação com aqueles que já mostraram interesse em seu produto é ainda melhor. Por isso, compreender o que é remarketing, é essencial para seu planejamento estratégico. Ótima oportunidade de aumentar as vendas!

Aproveitamos para apresentar uma de nossas ferramentas especiais: E-mails transacionais. Uma oportunidade de enviar 12.000 e-mails mensalmente e de forma gratuita! Aproveite.

Data da publicação:

14 de novembro de 2019

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading...
Classificação média: 5/5
Votos totais: 8

Compartilhar:

Facebook Twitter