O que você deveria saber antes de vender por dropshipping

Começar a vender por dropshipping não é tão fácil quanto parece. Existem dezenas de pequenos detalhes que determinam se uma loja vai começar a faturar 5 dígitos em pouco tempo ou vai morrer em uma semana de lançamento. 

Ao longo desse artigo quero explicar alguns dos pontos mais importantes que você precisa saber quando estiver abrindo a sua primeira loja de dropshipping para garantir que você não faça parte do segundo grupo. 

O que é dropshipping? 

Se você já está interessado em abrir uma loja de dropshipping imagino que já tenha uma boa noção de como funciona esse modelo de e-commerce, mas caso não saiba, aqui vai uma breve explicação. 

O dropshipping é uma modalidade de vendas online onde o lojista não tem nenhuma participação na parte de logística das entregas. Na prática, o cliente faz a compra em sua loja, você faz o pedido no fornecedor e ele manda esse pedido direto para a casa do cliente. 

Em outras palavras, você vende sem ter estoque nenhum e deixa toda a responsabilidade da entrega por conta do fornecedor. 

Mas isso não quer dizer que você não vai ter responsabilidades, sua loja ainda é a responsável pelo pedido. Qualquer problema que possa ocorrer durante a entrega terá que ser resolvido por você, pois seu cliente não sabe (e nem deve saber) que o pedido foi enviado por terceiros.  

Quais as vantagens de vender por dropshipping? 

Como você pode vender sem ter nenhum estoque, o custo inicial para abrir uma loja de drop se torna muito menor do que qualquer loja de e-commerce tradicional. E é por isso que vemos tantas pessoas querendo começar suas próprias lojas. 

E de fato isso é um dos pontos mais atrativos de vender por dropshipping. Todo esse dinheiro que você utilizaria para adquirir estoque pode ser reinvestido em outras áreas, como por exemplo, anúncios pagos. 

Outro ponto positivo de operar sem estoque próprio é que você acaba ganhando muito mais tempo, já que não tem que fazer nada de armazenamento, gerenciamento de estoque ou embalagem de produtos. Afinal, não é todo mundo que pode abrir uma loja online e já contratar vários funcionários para ajudar com isso. 

E por fim, o dropshipping possibilita que você tenha uma variedade infinita de produtos, por não exigir que você tenha um estoque físico. Testar um produto novo está apenas a uns cliques de distância. 

Como a competição é bem acirrada, você sempre encontrará múltiplos fornecedores para o mesmo produto, o que ajuda a garantir preços melhores e tentar aumentar um pouquinho sua margem de lucro, que normalmente é mais apertada do que no e-commerce tradicional. 

Quais são os pontos negativos do dropshipping? Como contorná-los? 

É claro que nem tudo são flores. Nenhum modelo de comércio é absolutamente infalível e com o dropshipping não seria diferente. 

Mas a boa notícia é que esses problemas podem ser amenizados se você tomar algumas medidas de prevenção. 

Problemas com os Correios e a Receita Federal 

Caso sua loja seja de dropshipping internacional – como a maioria das lojas iniciantes são – você já deve saber que existem alguns impostos que podem ocorrer nos seus pedidos. 

Como regra geral, todo pedido acima de 50 dólares já com o valor do frete está sujeito a taxação de 60% em cima do valor total do pedido. É, o valor fica bem pesado e é provável que essa venda dê algum tipo de prejuízo para você. 

Fora isso, ainda há a taxa de R$15 que os Correios cobram nas encomendas internacionais, o chamado Despacho Postal. Teoricamente todas as encomendas deveriam pagar essa taxa, sem exceção.  

Só que na realidade não é bem assim. Alguns tipos de frete passam ilesos da cobrança do despacho, como é o caso do epacket e do Aliexpress Standard Shipping, que por sinal, são os fretes mais rápidos para dropshipping (desconsiderando os que são extremamente caros). 

Já outras alternativas mais baratas que aparecem como frete grátis de sites como Wish, Shopee e Aliexpress normalmente sofrem com a cobrança do despacho. 

Se for necessário, inclua o valor do despacho já no valor do produto, mas nunca peça para o cliente fazer o pagamento dessa taxa. Isso causa uma experiência bem negativa para o cliente e ele dificilmente voltará a comprar com você. 

“Ok, mas e como evitar problemas com a receita?”. O dropshipping é muito forte na China e por isso os fornecedores já estão acostumados a lidar com as particularidades alfandegárias de cada país. Muitas vezes se você solicitar que ele declare o valor do produto como abaixo de $50 ele fará isso sem problema algum. 

No entanto, você não pode abusar do bom senso. Fazer dropshipping de celular e pedir para declarar que eles custam $40 não vai ser suficiente caso sua encomenda caia no pente fino da Receita. Ela vai ser taxada de acordo com o critério do fiscal. 

Demora na entrega 

Aqui nós chegamos no grande X da questão. Na minha opinião essa é a maior desvantagem de vender por dropshipping. Como você não tem estoque do produto, os prazos de entrega costumam ser mais altos, especialmente se for por dropshipping internacional. 

Pra ser sincero, a situação já foi bem pior do que é hoje em dia. Era comum os pedidos levarem mais de 50 dias para chegar até o cliente. E é claro que era bem difícil manter o cliente esperando tanto tempo sem que ele queira abrir uma disputa. 

Aqui não tem muito segredo, é necessário trabalhar o pós-venda muito bem para acalmar o comprador e garantir que a compra dele chegará. Tente responder as mensagens o quanto antes e tenha uma página de rastreamento disponível em seu site para que o cliente possa acompanhar o status da encomenda. 

E um bom jeito de trabalhar esse pós-venda é utilizando o próprio SendPulse. O SendPulse é uma ferramenta multicanais que possibilita a integração de serviços como SMS, webpush, e campanhas de e-mail marketing em um só lugar!  

Sendo assim, você pode mandar notificações periódicas informando sobre o status do pedido montando um fluxo de mensagens só para mostrar pro cliente que o pedido dele ainda está a caminho! A automação 360 unifica todas essas ferramentas em uma só, o que torna a sua estratégia muito mais poderosa. 

Outro ponto importante é ter os prazos de entrega bem claros antes de fechar a compra, assim não gera nenhuma frustração inesperada e dá um respaldo para a sua loja caso surja alguma reclamação. 

Como ter um bom início nas vendas por dropshipping 

Para garantir que sua loja comece com o pé direito, você deve investir seu tempo – e possivelmente dinheiro – em alguns aspectos essenciais para qualquer loja virtual. 

Lembre-se que quanto mais preparado você estiver, maiores serão as suas chances de sucesso. 

Faça uma boa mineração de produtos 

Essa é a alma da sua loja. Achar um produto que demonstre potencial, tenha bons benefícios e não seja caro pode ser bem desafiador, mas com certeza é algo que vale a pena investir seu tempo. 

Procure produtos que passam um valor ao seu cliente, algo que você consiga vender como uma solução, pois o dropshipping é baseado, em grande parte, em compras por impulso. 

Nessas horas vale a pena dar uma espiadinha nos competidores também para ter uma noção do que eles estão fazendo. Copiar a página do produto e os criativos não é legal e eu recomendo que você não faça isso. 

Domine o tráfego pago 

Sua loja no começo provavelmente não terá nenhuma venda orgânica, afinal, ela ainda não é conhecida e os clientes não conseguirão chegar nela pois seu ranqueamento no Google será muito baixo. 

Isso lhe deixa com duas alternativas: divulgar manualmente em canais de venda (grupos, marketplaces) ou investir em tráfego pago. 

E sem dúvidas o tráfego pago, quando bem executado, é o que mais dá retorno. Uma boa campanha de anúncios vai lhe gerar um retorno muito bom e dar o pontapé perfeito para você começar da melhor maneira possível. 

No entanto, mexer com tráfego pago não é muito intuitivo. Você vai precisar dedicar algumas horas e estudar bastante para garantir que seu funil seja bom e você esteja atingindo o público certo. 

Mas acredite, cada minuto que você investir aqui vai ser muito bem recompensado no futuro. Pois é através do tráfego pago que você vai escalar a sua loja e poder chegar até mesmo nos 6 dígitos de faturamento mensais. 

Cuidado com os gurus 

E a última dica que eu dou é: tome cuidado com quem promete mil maravilhas para você. Os gurus do dropshipping são especialistas em vender uma fantasia de que você terá uma “loja vencedora” na sua primeira semana de dropshipping e já vai lucrar R$20 mil por mês. 

Isso não existe. A maior preocupação desses gurus é em vender seus cursos através dessa fantasia. Cursos que em muitos casos passam dos mil reais facilmente. E muitas vezes você encontra exatamente o mesmo conteúdo disponível de graça no YouTube. 

Veja bem, não quero dizer que sou contra cursos, longe disso. Esse é apenas um aviso para você não deixar se levar por expectativas irreais. Não existe um atalho para o sucesso, apenas trabalho duro e consistente. 

Invista no design da loja 

Há muitas lojas extremamente amadoras de dropshipping no mercado. Na verdade, tão amadoras que não passam confiança para o cliente. Seja com imagens de baixa qualidade, formatação mal feita ou fontes e cores que não combinam, você sabe logo quando bate o olho. 

E definitivamente você não quer ser uma dessas. Ter um design coerente e agradável aos olhos faz toda a diferença. Isso passa mais confiança ao cliente que vai se sentir mais confortável em comprar com você. 

Portanto, invista em um belo logo, busque por imagens de alta qualidade e pense bem no esquema de cores da sua loja. Nada de montar um banner amarelo vivo em letras verdes. Pode parecer óbvio e desnecessário falar isso, mas você se surpreenderia com o que existe por aí. 

Conclusão 

Vender por dropshipping ajuda a tirar toda a pressão e o estresse de lidar com a logística dos pedidos, além de diminuir o custo de abrir uma loja. Por esse motivo, cada vez mais pessoas estão buscando iniciar seu próprio negócio. 

O mundo do dropshipping ainda tem muito potencial a ser explorado. Se você aplicar as dicas mencionadas aqui e buscar fazer um bom trabalho, tenho certeza que sua loja terá o sucesso que você espera. 

É importante saber que terão algumas dificuldades no caminho, mas nada que não possa ser contornado, basta você saber os segredinhos que foram compartilhados aqui nesse artigo. 

[Всего: 1   Средний:  5/5]

15000 e-mails gratuitos todos os meses.